Direito Militar
Reforma obrigatória para militares com doença mental

Reforma obrigatória para militares com doença mental

São cada vez mais pacíficas as decisões judiciais que determinam a imediata reforma de militares acometidos de alienação mental incapacitante surgida durante o período de prestação do serviço militar, independentemente de se tratar de doença preexistente ao ingresso nas Forças Armadas. A legislação não faz distinção entre doenças preexistentes e supervenientes, nem exige qualquer relação de causalidade com o serviço militar. Ao contrário, a lei dispõe que, uma vez constatada a doença, o militar, com qualquer tempo de serviço, poderá ser reformado.


A Garrastazu Advogados tem experiência na matéria, podendo intervir na questão em âmbito administrativo e judicial para assegurar os interesses de seus clientes, por meio de seus especialistas em Direito Militar.

PODEMOS TE AJUDAR?

Nossa Equipe de Especialistas


Atendimento via Whatsapp

Tire suas dúvidas agora.

Respondemos em alguns minutos.

Podemos Ajudar? >