A mediação pode ser uma alternativa Interessante no direito coletivo

O Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias Metalúrgicas, Mecânicas e de Material Elétrico de Caxias do Sul e representantes do sindicato patronal entraram em acordo quanto ao reajuste salarial que deve ser concedido à categoria para o próximo período de vigência do acordo coletivo. O ajuste foi obtido em reunião de mediação realizada na tarde da última segunda-feira (12/9), na sede do Tribunal Regional do Trabalho da 4ª Região (RS), em Poro Alegre. O encontro foi conduzido pelo vice-presidente do TRT-RS, desembargador João Pedro Silvestrin. Como representante do Ministério Público do Trabalho, esteve presente a procuradora-regional Beatriz Junqueira Fialho.

Pelo acordo, ficou mantida a data-base da categoria em 1º de junho. Quanto ao reajuste, as partes concordaram em escalonar o aumento da seguinte forma: nos meses de junho, julho, agosto e setembro, reajuste de 4%; em outubro e novembro, o aumento passará a 6,5%; e em dezembro, 9,82%. Os valores devem incidir sobre o reajuste total concedido no acordo coletivo anterior da categoria. O décimo terceiro será pago com base na remuneração do mês de dezembro de 2016 e o piso salarial da categoria, vigente na norma coletiva anterior, deve ser corrigido em 9,82% na data-base.

http://www.trt4.jus.br/portal/portal/trt4/comunicacao/noticia/info/NoticiaWindow?cod=1379805&action=2&destaque=false

Deixe seu comentário

Dispomos de
correspondentes em todos
os Estados do Brasil, o que
nos permite uma
atuação nacional

A Garrastazu conta com 3 sedes
próprias estrategicamente
localizadas para atender
demandas em todo o País.
Dessa forma, conseguimos
manter a excelência de nosso
trabalho com dinamismo e
articulação processual.

Para manter nossos clientes sempre em primeiro lugar
e suprir nossas demandas com qualidade precisamos de um

escritório do tamanho do Brasil