Imagine! Recall de antisséptico bucal brasileiro

A Colgate-Palmolive comunicou nesta semana o recolhimento do antissépico bucal Colgate PerioGard sem álcool de 250ml, fabricado entre 21 e 26 de fevereiro de 2014.

A empresa admite ter constatado que "os produtos podem conter um nível de bactérias acima dos limites permitidos".

Pior: ainda segundo a companhia, a inalação acidental do produto pode afetar pessoas com sistema imunológico "severamente debilitado", que são mais susceptíveis a infecções respiratórias.

Os lotes problemáticos são identificados pelos códigos: 4053BR122C, 4054BR121C, 4054BR122C, 4055BR122C, 4056BR122C, 4057BR121C e 4057BR122C

Para mais informações e substituição do produto, a Colgate-Palmolive disponibiliza o telefone 0800 703 9366, de segunda a sexta-feira, das 8h às 12h e das 13h às 17h e o link www.colgate.com.br/contato.

No site atual da Colgate brasileira, um dos apelos diz que "quando um único sorriso traz tanta alegria, convem protegê-lo com Colgate".

A Colgate-Palmolive Company é uma empresa multinacional de origem americana. Atualmente seus produtos estão voltados para cuidados pessoais, higiene bucal, cuidados com limpeza do lar e nutrição animal.

Foi fundada em 1806, em Nova York, por William Colgate, com o nome de Colgate Company, sendo pioneira na produção de pasta de dentes (dentifrício) em tubos.

Posteriormente, a empresa fundiu-se com a fabricante de sabonetes Palmolive. Em 2014, a empresa foi eleita "a marca mais consumida no mundo" pela pesquisa da Brand Footprint, realizada em 35 países. A unidade brasileira fica em São Paulo.

Deixe seu comentário

Escritório
do tamanho
do Brasil

Dispomos de correspondentes em todos os Estados do Brasil, o que nos permite uma atuação nacional

A Garrastazu conta com 3 sedes próprias estrategicamente localizadas para atender demandas em todo o País.

Atenção Clientes da Garrastazu

Fomos informados que golpistas estão se apresentando como sócios ou advogados vinculados a Garrastazu Advogados, trazendo falsa informação aos nossos clientes acerca de alvarás que teriam sido emitidos em seus nomes decorrentes de êxitos em processos patrocinados pela equipe da Garrastazu. Os estelionatários prometem que haverá liberação imediata destes alvarás na conta bancária dos clientes, mas solicitam, para viabilizar o levantamento do alvará, depósitos a títulos de "custas" (inexistentes) em contas que são dos próprios golpistas.

Cuidado! Não agimos desta forma. Alertamos que qualquer pagamento à Garrastazu Advogados só pode ser efetuado mediante depósito em conta bancária da própria Garrastazu Advogados. Jamais em contas de terceiros, sejam pessoas físicas, sejam pessoas jurídicas.

Estamos sempre à disposição por meio dos contatos oficiais anunciados em nosso “site”, que são os únicos canais legítimos de contato de nossa equipe com o mercado.

Atendimento via Whatsapp

Tire suas dúvidas agora.

Respondemos em alguns minutos.

Podemos Ajudar?