Câmara aprova mudança em sistema recursal trabalhista

Um Projeto de Lei aprovado na Comissão de Trabalho, Administração e Serviço Público da Câmara dos Deputados prevê a reforma do sistema de recursos da Justiça do Trabalho.



Se aprovado, o PL 2.214/2011, de autoria do deputado Valtenir Pereira (PSB/MT), pretende uniformizar a jurisprudência e tornar o processo de recursos mais rápido. As principais medidas são: tornar lei os parâmetros atualmente fixados pela jurisprudência do TST para recebimento de Recursos de Revista; a uniformização da jurisprudência nos Tribunais Regionais do Trabalho; estender para o processo do trabalho a experiência do processo comum no julgamento dos recursos extraordinário e especial; a súmula impeditiva de recursos, que será incorporada pelo recurso de embargos, será baseada nas Súmulas do TST e nas Súmulas Vinculantes do STF.



Quanto aos Embargos Declaratórios, a proposição também torna lei requisitos construídos pela jurisprudência do TST para acolhimento dos recursos.



A proposição que deu origem ao projeto de lei surgiu a partir dos debates feitos durante a "Semana do Tribunal", em 2011, que tratou da experiência na área da jurisprudência do TST. O projeto segue, agora, para análise da Comissão de Constituição e Justiça da Câmara dos Deputados. Com informações da assessoria parlamentar do TST.

Deixe seu comentário

Dispomos de
correspondentes em todos
os Estados do Brasil, o que
nos permite uma
atuação nacional

A Garrastazu conta com 3 sedes
próprias estrategicamente
localizadas para atender
demandas em todo o País.
Dessa forma, conseguimos
manter a excelência de nosso
trabalho com dinamismo e
articulação processual.

Para manter nossos clientes sempre em primeiro lugar
e suprir nossas demandas com qualidade precisamos de um

escritório do tamanho do Brasil